terça-feira, 25 de janeiro de 2011

De encher o olho. Sim senhor!, o Luís Alberto que o diga!! Aquela chapada por pouco tinha-lhe deixado o olho à Belenenses

Eu estava lá e... é verdade, além de cheio de frio fiquei com o olho cheio.

Benfica-Nacional, 4-2
Isto é futebol espectáculo!
Eh eh eh, vítima de quê? Violência doméstica*?...

*tratava-se de um jogo doméstico, não de um jogo internacional...

Antes do segundo golo do Benfica chegar, o árbitro Rui Costa perdoou uma expulsão ao jogador Luís Alberto do Nacional da Madeira. Aimar foi alvo de agressão e o juiz mostrou apenas cartão amarelo (18’).
Note-se como no texto acima se defende que Luis Alberto nem devia ter chegado ao fim do jogo, com 2 consequências marcantes:
- não teria marcado o golo do Nacional;
- não se teria envolvido naqueles bates-papo e chega-para-lá no final do jogo.

Finalmente, um jornal online que relata as coisas de forma correcta e isenta!!!

E foi mesmo um excelente jogo do Glorioso. Vamos agora esperar que o Benfica vá ganhando todos os jogos e que o Porto vá mantendo a sua invencibilidade no campeonato, empatando digamos que umas 3 vezes, até que o Porto venha à Luz para a sua primeira derrota no campeonato (basta meio a zero).

1 comentário:

el C disse...

:-)